Trabalho remoto registra 3,7 milhão de atos processuais

Números refletem somente movimentações na Primeira e Segunda Instâncias

 

produtividade_tjmg_1000x667px_5.jpg
Total geral inclui movimentações em Primeira e Segunda Instância

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) já executou 3.766.279 atos processuais desde a opção, a partir do dia 16 de março, pelo funcionamento via trabalho remoto, com atendimento presencial apenas em esquema de plantão e para medidas emergenciais.

Esses números já foram encaminhados ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que irá agrupar e centralizar a divulgação dos dados de produtividade de todos os tribunais com amostragem semanal, sempre de segunda a domingo.

Somente na última semana, no período de 6 a 12 de abril, foram 491.266 movimentações processuais executadas por juízes e servidores, com 47.255 despachos e 18.411 decisões e sentenças. Considera-se, neste período, o feriado da Semana Santa.

produtividade_tjmg_1000x667px_6.jpg
Neste quadro, números se referem à útima semana de trabalho remoto

O juiz auxiliar da Presidência do TJMG e coordenador da Diretoria Executiva de Informática (Dirfor), Delvan Barcelos Júnior, pondera que a crise causada pela pandemia do coronavírus acelerou as iniciativas de virtualização da prestação jurisdicional, notadamente o trabalho em regime de home office e o uso da videoconferência nas atividades do judiciário.

Contudo, de acordo com o juiz auxiliar, nenhum tribunal estava estruturado para implantar tais soluções com a amplitude necessária para que não houvesse prejuízo à prestação jurisdicional. Por essa razão, foi criado o plantão extraordinário com limitação da atuação dos magistrados.

not-dr-delvan-barcelos.jpg
O juiz Delvan Barcelos Júnior ressalta a importância do trabalho remoto para responder com agilidade demandas apresentadas pelos cidadãos

O magistrado avalia que os números de produtividade no TJMG mostram que, apesar da necessária improvisação tecnológica, a entrega da prestação jurisdicional continua ocorrendo, atendendo a resolução dos conflitos mais urgentes dos jurisdicionados.

O juiz também destacou que, mesmo para o andamento de processos físicos, foi criado um canal que permite o peticionamento e a tramitação dos feitos – o SEI Processos.

Resposta ágil

Desde a implantação do sistema remoto de trabalho já foram assinadas 139.402 decisões e sentenças. Foram publicados 360.055 despachos, baixadas 95.955 ações e distribuídas outras 98.920.

Sobre a resposta dos sistemas de informática, pode-se dizer que a implantação do Processo Judicial eletrônico (PJe) garantiu que não houvesse total paralisia da atividade jurisdicional, permitindo que magistrados, servidores e usuários dos serviços judiciais continuassem tendo acesso à justiça.

O juiz auxiliar da Presidência, Delvan Barcelos Júnior, explica que, no caso do TJMG,o fato de diversos sistemas não poderem ser acessados via web para o trabalho de home office era um desafio a ser superado, e foi.

A solução encontrada, revela, foi a ampliação das chamadas conexões remotas através de um programa que permite acesso direto aos computadores do Tribunal de um computador da casa do usuário.

Em razão do limitado número de licenças de uso e do grande impacto para a infraestrutura de TI, procurou-se atender a desembargadores, servidores dos cartórios e de outras áreas essenciais do TJMG com um quantitativo que permitisse a continuidade dos serviços.

not-pje-.jpg
Conexões remotas permitem o acesso ao PJe de qualquer parte do mundo em que haja internet

Paralelamente, iniciou-se processo licitatório para aquisição de mais licenças dessa solução, bem como estudos para virtualização do parque de computadores do tribunal, ou seja, as máquinas ficariam hospedadas em nuvem, com acesso direto e exclusivo à infraestrutura de TI, permitindo o trabalho via web em qualquer ponto do planeta em que haja conexão à rede mundial de computadores, como explicou o magistrado.

Sobre o PJe, recentemente, o presidente do TJMG, desembargador Nelson Missias de Morais reconheceu a importância da expansão do PJe para a realização do trabalho remoto.

“Além disso, fizemos investimentos inovadores em diversos sistemas, dos mais simples aos mais sofisticados, todos eles capazes de eliminar papéis e possibilitar a prestação jurisdicional com maior rapidez”, observa. Ele citou como exemplo os alvarás eletrônicos, a identificação facial de apenados em regime aberto e a estenografia eletrônica.

Assessoria de Comunicação Institucional – Ascom
Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG
Plantão de atendimento à imprensa: (31) 97572-9999 (Das 10h às 18h)
imprensa@tjmg.jus.br
facebook.com/TJMGoficial/
twitter.com/tjmgoficial
flickr.com/tjmg_oficial

FONTE: https://www.tjmg.jus.br/portal-tjmg/noticias/trabalho-remoto-registra-3-7-milhao-de-atos-processuais-8A80BCE5711847900171796883840E54.htm#.XpXgc_1Kjiw

Read more...

Procon recebe volume 726% maior de denúncias durante pandemia

PRÁTICAS ABUSIVAS

Procon de SP recebe volume 726% maior de denúncias durante pandemia

O Procon-SP verificou um aumento de 726% nas denúncias de consumidores durante a pandemia do novo coronavírus no estado. A maioria das queixas está relacionado ao avanço da Covid-19. Em 19 de março — quando os relatos começaram a ser recebidos — o número de denúncias era de 394. Na última quarta-feira (9/4) o órgão somava 3.254 reclamações.

Das 3.254 denúncias em geral recebidas até 9/4, a maior parte — 1.889, ou 58% do total — refere-se a preços abusivos de álcool em gel e outros itens. Para coibir a prática, o Procon está fiscalizando estabelecimentos em todo o estado. De 16 de março a 9 de abril, equipes do órgão percorreram 1.147 farmácias, supermercados e hipermercados de 107 cidades.

Desse total, 888 (77% do total) foram notificados a apresentar notas fiscais de venda ao consumidor final e de compra junto aos seus fornecedores de álcool em gel e máscaras, no período de janeiro a março, para comparação e verificação de eventual aumento abusivo sem justa causa.

O consumidor que se deparar com alguma prática abusiva pode fazer uma denúncia no site: www.procon.sp.gov.br

Revista Consultor Jurídico, 13 de abril de 2020, 14h57

FONTE: https://www.conjur.com.br/2020-abr-13/procon-recebe-volume-726-maior-denuncias-durante-pandemia

SITE: https://www.conjur.com.br

Read more...

Conheça mais sobre os benefícios do Home Office

 

Situações de risco requerem medidas preventivas. É como explica a Comissão de Gestão, Empreendedorismo e Inovação da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, quanto à importância do Home Office para evitar o aumento na disseminação do novo coronavírus (COVID-19).

Com a ausência do comparecimento presencial, essa nova forma de trabalho molda a rotina de funcionários, colaboradores de empresas, instituições, órgãos, como também dos advogados, advogadas e demais profissionais que precisam dar continuidades às suas tarefas diárias de casa. Tal adaptação pode apresentar excelentes resultados para a continuidade de tarefas e compromissos profissionais.

Segundo o Presidente da Comissão de Gestão, Empreendedorismo e Inovação, Alberto Monteiro Neto, os advogados e advogadas, por exemplo, podem e devem dar continuidade aos seus trabalhos, por meio da utilização de tais mecanismos tecnológicos.

“Estamos enfrentando uma situação delicada em todo o país e no mundo. Agir de forma inteligente, usando a informação a nosso favor e adotando medidas com estratégias preventivas para que o nosso trabalho não pare é a saída mais cabível. Com a tecnologia é possível estar conectado com outras pessoas sem a necessidade do contato físico. Por meio de aplicativos como Whastapp, Skype, Zoom, dentre outros, podemos prosseguir com os nossos atendimentos, estabelecendo o contato com nossos clientes e sócios, priorizando sempre a saúde. A organização e o foco são os pontos cruciais”, explicou.

Se o caso é realização de reuniões, ferramentas para o teletrabalho também se configuram como uma alternativa. É o caso dos aplicativos Google Hangouts, Google Meet, Whereby, GotoMetting, além dos já mencionados.

Quanto aos escritórios de advocacia, o Presidente da Comissão, Alberto Monteiro, reforça que eles devem manter os canais de comunicação com seus profissionais para passar informações sobre suporte àqueles que necessitem trabalhar remotamente. Ele aconselha ainda que profissionais que estejam no grupo de risco devem trabalhar de casa pelo menos nos próximos 15 dias. Os demais profissionais devem ser divididos em, pelo menos, dois grupos e intercalarem 15 dias de home office.

 

A seguir, confira algumas medidas preventivas com resultados eficientes:

Novos hábitos de higiene
É muito importante reforçar a higiene pessoal e do local de trabalho. O novo coronavírus é altamente contagioso, mas pequenas mudanças nos hábitos podem evitar a proliferação do vírus. Lavar as mãos e usar álcool gel sempre que tocar em alguma superfície que possa estar contaminada, como um computador ou a mesa de trabalho, é uma das medidas recomendadas por médicos infectologistas. Mantenha sempre os instrumentos de trabalho (telefone, cadeiras, teclados de computadores, canetas) higienizados e garanta a saúde.

Evite a distração em casa
Ter foco e estipular metas é uma das alternativas para manter os resultados positivos. Defina o seu local de trabalho e anote as suas tarefas que deverão ser desempenhadas no dia. Ir cumprindo cada etapa auxiliará a alcançar bons resultados sem atropelar as demandas.

Evitar qualquer distração e mantenha um horário de trabalho, tendo um início e um fim, pois isso ajuda na produtividade do trabalho e evita a ansiedade e o estresse.

Mantenha a comunicação com seus colegas de trabalho e clientes
O atendimento não pode parar. É aqui que a comunicação presencial precisa ser transformada em telepresencial. Disponibilize um número e e-mail para contato. Continue com o profissionalismo e esteja disponível durante o seu horário de trabalho.

Armazene seus trabalhos
É importante se atentar para o armazenamento de tudo que está sendo produzido. Lembre-se que no dia seguinte poderá ser necessário dar continuidade ao que foi iniciado no dia anterior. O Google Drive, Dropbox, iCloud, Office 365 são algumas ferramentas disponíveis que permitem o armazenamento de documentos, com organização e segurança.

Potencialize a sua atuação no mercado de trabalho
Aproveitar o tempo e se qualificar, por meio das capacitações online, também é uma alternativa produtiva. Na internet há vários cursos e consultorias que darão o suporte necessário para os que desejarem novos conhecimentos em inúmeras áreas. Saiba aproveitar a tecnologia a seu favor e mantenha seu profissionalismo assertivo.

Todas as recomendações acima têm o objetivo de apresentar os benefícios do Home Office. Ser responsável e adotar estratégias para auxiliar no combate à disseminação do coronavírus, sem pausar a rotina de trabalho, é o caminho certo.

FONTE: http://www.oabpi.org.br/dicaoabpi-conheca-mais-sobre-os-beneficios-do-home-office/

SITE: http://www.oabpi.org.br 

Read more...

10 SITUAÇÕES EM QUE O EMPREGADO PODE DEIXAR DE COMPARECER AO SERVIÇO, SEM PREJUÍZO DO SALÁRIO

Listamos 10 situações em que o empregado pode deixar de comparecer ao trabalho, sem prejuízo do salário. São elas:

Em caso de falecimento do cônjuge, ascendente (pais, avós etc.), descendente (filhos, netos etc.), irmão ou pessoa que viva sob sua dependência econômica, declarada em sua carteira de trabalho e previdência social – até 2 dias consecutivos.

Para se casar – até 3 dias consecutivos.

Licença paternidade – até 5 dias.

Licença maternidade – até 6 meses.

Em caso de doação voluntária de sangue devidamente comprovada – por 1 dia, uma vez por ano.

Trabalhar nas eleições – até 2 dias, que podem ser consecutivos ou não.

No período em que tiver que cumprir as exigências do Serviço Militar.

Para fazer as provas para ingresso em estabelecimento de ensino superior – nos dias em que estiver comprovadamente fazendo os exames.

Quando tiver que comparecer em juízo para audiência – pelo tempo que se fizer necessário.

Licença remunerada de até 15 dias por motivo de doença. Após esse período cabe à Previdência Social assumir o custo do salário do trabalhador afastado do trabalho.

FONTE: http://rnsaadadvogados.com.br/10-situacoes-em-que-o-empregado-pode-deixar-de-comparecer-ao-servico-sem-prejuizo-do-salario/

SITE: http://rnsaadadvogados.com.br/

Read more...

A importância dos Advogados nos negócios da empresa

Seja qual for o ramo da empresa, contar com um Advogado ou ter uma assessoria jurídica é essencial. Afinal, com ela a empresa pode executar diversas operações sem criar problemas com a legislação, e isso vale desde a criação até o encerramento da empresa. Sendo assim, novos empreendedores, ou até mesmo aqueles que já estão no mercado há algum tempo, podem oferecer ótimas oportunidades de parceria. Inclusive para Advogados.

Abrir um negócio sempre é uma tarefa complicada. Exige dinheiro, tempo e muito mais dedicação do que as 8 horas diárias de um emprego comum. Os desafios são inúmeros, porém, podemos apontar alguns de maior importância: manter o negócio saudável e ampliá-lo constantemente. Durante todo esse processo, o auxílio de um Advogado é essencial.

Porque é imprescindível contratar um Advogado – ou escritório de advocacia?

A composição do departamento jurídico da empresa é de suma importância para o bom andamento das atividades do empreendimento. Para que a empresa possa contratar e manter seus funcionários de acordo com a legislação atual, por exemplo, é necessário que o Advogado trabalhista observe a legalidade do contrato, entre outros detalhes, a fim de evitar futuros processos ou ações na justiça do trabalho por parte de funcionários.

Advogado Empresarial

Advogado empresarial é de extrema importância para uma empresa, pois junto ao corpo jurídico, garante, por exemplo, o planejamento e execução dos trâmites de investimentos, avaliando sua conformidade com a lei e dando mais segurança aos negócios do empreendimento.  Ainda no âmbito contratual, a avaliação dos benefícios e prejuízos dos contratos pactuados, feita por um Advogado, é fundamental para a tomada de decisões sem que a empresa corra riscos.

Oportunidade para os Advogados

Para o empreendedor que está começando, o investimento em uma assessoria jurídica especializada pode não parecer uma vantagem. Porém, definitivamente, é uma garantia de evitar problemas posteriores, ou, ao menos, reduzi-los. É neste momento que o Advogado pode oferecer soluções, além de aproveitar oportunidades de parceria e negócios com estes novos empreendedores. E, claro, sem deixar de observar possibilidades em torno de empresas com mais tempo de vida, porém carentes de alguma orientação oriunda de um profissional qualificado.

Para que você, Advogado, possa sempre estar preparado para atender a qualquer oportunidade de ampliar seus negócios, nunca esqueça de checar a validade de seu Certificado Digital e, se for o caso, renová-lo. Além de imprescindível, ele pode otimizar potencialmente sua rotina de trabalho.

FONTE: https://blog.certisign.com.br/a-importancia-dos-advogados-nos-negocios-da-empresa/

SITE: https://blog.certisign.com.br/

Read more...

Deficiente visual será indenizado por queda em elevador

Como a cabine não chegou, aluno caiu de uma altura de cinco metros

Um universitário com perda total da visão será indenizado em R$ 20 mil pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC) – Campus Poços de Caldas, por ter caído após entrar em um elevador sem a cabine do equipamento.

Com a queda livre de uma altura aproximada de cinco metros, sofreu vários ferimentos e ficou impossibilitado de frequentar as aulas regulares.

O estudante conseguiu ser aprovado em todas as disciplinas com o auxílio de todos os colegas e professores, à exceção de uma, que se negou a ajudá-lo durante sua recuperação.

A PUC alegou a culpa exclusiva do aluno pelo acidente, porque ele não verificou se a cabine estava no andar antes de entrar no elevador. A instituição acrescentou que não foram comprovados os abalos emocionais causados pela queda.

Em primeiro grau, a universidade foi condenada a indenizar o aluno em R$ 20 mil, por dano moral, sentença mantida em segundo grau.

Falta de fiscalização

A relatora do recurso, desembargadora Evangelina Castilho Duarte, considerou que, apesar de a PUC colocar elevador à disposição de pessoas portadoras de deficiência, faltaram medidas específicas – como a fiscalização do equipamento – voltadas para a locomoção daquelas com falha visual.

Quanto à alegação de culpa exclusiva da vítima, a desembargadora sustentou que cabia à PUC zelar pela proteção da vida, integridade física, saúde e segurança de seus alunos, notadamente daqueles portadores de necessidades especiais.

A desembargadora Cláudia Maia e o desembargador Estevão Lucchesi acompanharam o voto da relatora.

Verifique o acórdão e a  movimentação processual.

 

Assessoria de Comunicação Institucional – Ascom
Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG
Plantão de atendimento à imprensa: (31) 3306-3920 (das 10h às 18h)
imprensa@tjmg.jus.br
facebook.com/TJMGoficial/
twitter.com/tjmgoficial
flickr.com/tjmg_oficial

FONTE: https://www.tjmg.jus.br/portal-tjmg/noticias/deficiente-visual-sera-indenizado-por-queda-em-elevador.htm#.XpXBCf1Kjiw

Read more...

Turma Recursal faz sessão de julgamento em home office

Juízes decidiram mais de 400 recursos; há previsão para julgar outros 800 neste mês

A Turma Recursal de jurisdição exclusiva dos Juizados Especiais de Belo Horizonte, Betim e Contagem realizou na última terça-feira (7/3) a primeira sessão de julgamentos virtual após a suspensão do expediente no Judiciário por conta da pandemia da covid-19. Todos os juízes trabalharam em casa.

O colegiado é composto pelos juízes Francisco Ricardo Sales Costa, Maria Luiza de Andrade Rangel Pires, Mariana de Lima Andrade, Michel Curi e Silva e Paulo Sérgio Tinoco Néris. Na sessão da última semana, eles julgaram 484 recursos.

Foram julgados processos que tramitam nos sistemas Processo Judicial eletrônico (PJe) e Projudi, de natureza cível e fazendária. Os processos de natureza criminal tramitam ainda em papel, por isso não foram incluídos na pauta.

Está previsto para o mês de abril o julgamento de outros 800 recursos de processos que tramitam em meio digital. A Turma Recursal reúne-se em sessões virtuais nas três primeiras terças-feiras de cada mês. Na última terça, a sessão é presencial, dedicada aos processos cujos advogados optam por esta modalidade, que possibilita sustentações orais.

Durante os trabalhos em casa, o juízes mantiveram conversações por telefone para facilitar a operação do sistema que gerencia as sessões colegiadas. Apesar de ser virtual, quando os julgamentos são realizados no Juizado, os juízes ficam em constante contato.

Assessoria de Comunicação Institucional – Ascom
TJMG – Unidade Fórum Lafayette
(31) 99954-7148 (telefone de plantão)

ascomfor@tjmg.jus.br
facebook.com/TJMGoficial/
twitter.com/tjmgoficial
flickr.com/tjmg_oficial

FONTE: https://www.tjmg.jus.br/portal-tjmg/noticias/turma-recursal-faz-sessao-de-julgamento-em-home-office.htm#.XpW_Jv1Kjiw

 

Read more...

6 práticas mais valorizadas em um escritório de advocacia

 

Agilidade

A maioria dos clientes quando procura um advogado tem um problema de natureza jurídica que precisa ser solucionado. Não raras vezes, esse problema traz grandes consequências para a vida do cliente e, por isso, ele tem pressa e exige um suporte ágil. Escritórios que não se preocupam principalmente com um atendimento ágil acabam perdendo a credibilidade e, claro, clientes! Por isso, é essencial trabalhar para fornecer um atendimento eficiente, sempre que o cliente demandar.

Com o uso de um bom software jurídico, é possível automatizar parte do atendimento, fazendo com que seus clientes sempre saibam o que está acontecendo no processo deles. Isso além de trazer mais segurança, traz mais tranquilidade, afinal, seu cliente sabe que você está trabalhando pelos interesses dele.

Comunicação

Uma comunicação clara e objetiva é outra característica cada vez mais apreciada entre os clientes. Lembra daquele escritório de advocacia suntuoso com aquele advogado que fala difícil? Pois é, eles são cada dia menos procurados. Hoje o cliente quer um escritório que haja com transparência e seja didático na prestação de serviços. Enviar faturas com valores que o cliente desconhecia, ou mesmo, dar explicações evasivas sobre o seu caso só geram descontentamento e a rescisão de contratos de honorários.

Tenha cuidado na forma como o seu escritório se comunica e esqueça o juridiquês! Cada vez mais os escritórios estão focados em clientes e não nos próprios advogados!

Ética

Infelizmente, muitos escritórios prometem ao cliente mais do que podem entregar e acabam esbarrando nos limites éticos. Isso sem contar que, para driblar a concorrência, muitos promover serviços sem observar as regras mais básicas do Código de Ética da OAB. Uma boa imagem não deve ser manchada por conta desses deslizes e todo escritório de advocacia deve manter a máxima cautela quando o assunto são brechas na lei, ou mesmo, uma atuação arriscada. É preciso ter cuidado e atenção!

Transparência

Agir com transparência, deixando claro para o cliente como é e quais são os limites da sua atuação é outra prática cada vez mais valorizada. É preciso evitar criar expectativas acima daquelas que você é capaz de entregar, mesmo que isso signifique perder o cliente. Seja claro sobre as perspectivas do caso, como funciona a sua atuação e sempre documente tudo. É fundamental ter registros por escritos para evitar desentendimentos no futuro. A documentação também demonstra profissionalismo e promove a clareza em toda relação profissional.

Retenção de talentos

Todo escritório de advocacia de sucesso se preocupa com o seu time de advogados pois sabe que eles são o maior ativo do seu escritório. Um bom clima organizacional reflete nas relações internas do escritório, bem como, no relacionamento com clientes.

Procure ter estratégias tanto para selecionar quanto para reter talentos. Isso é essencial para que o seu escritório se desenvolva e crie uma boa imagem externa.

Tecnologia no escritório de advocacia

A tecnologia é um caminho sem volta na advocacia. Mais do que o processo eletrônico e a certificação digital, hoje o advogado já convive com a inteligência artificial e até o big data, que chegaram para revolucionar a prestação de serviços jurídicos. Porém, mais do que recursos de ponta, hoje os escritórios podem (e devem!) contar com ferramentas mais simples, mas não menos inovadoras. Os softwares jurídicos são essenciais para organizar a rotina de qualquer escritório de advocacia, trazendo mais produtividade e organização para o dia a dia. Com essa ferramenta, o escritório tem tudo o que precisa para introduzir boas práticas, melhorar o atendimento, a comunicação e a prestação de serviços jurídicos como um todo. Além disso, com um software jurídico, o escritório melhora a qualidade das suas entregas, facilitando a compreensão do cliente quanto aos serviços e também o valor que você entrega através deles.

FONTE: https://www.promad.adv.br/blog/6-praticas-mais-valorizadas-em-um-escritorio-de-advocacia

SITE: https://www.promad.adv.br/

Read more...

Dicas para contratar um advogado online

O mundo mudou e a tecnologia chegou para revolucionar e facilitar a vida das pessoas. Um exemplo disso é a possibilidade de contratar um advogado online e ser atendido no conforto de sua residência.

Mas é seguro contratar um advogado pela internet? Sim, mas é preciso pesquisar. Ainda é muito comum as pessoas terem o receito de contratar um profissional que presta o atendimento online. Entretanto, essa é uma realidade que vem crescendo nos escritórios de advocacia.

A figura desse profissional ainda é vista como alguém engravatado, sentado em sua cadeira, atrás de uma grande mesa, rodeado de livros sobre direito e papéis. Por isso, pensar em ser atendido online gera tantas dúvidas.

Antes de tudo, como em qualquer contratação, é necessário que sejam tomados alguns cuidados. Por isso, se você está pensando em contratar um advogado online, confira as dicas que preparamos para te ajudar nessa missão.

Você vai aprender:

Contratar um advogado online: como isso é possível?
Dica #1: Realize uma pesquisa sobre o profissional
Dica #2: verifique site e redes sociais 
Dica #3: contratar um advogado especialista online?
Dica #4: Como funciona o pagamento da ação
Contratar ou não contratar, eis a questão!

Boa leitura!

Contratar um advogado online: como isso é possível? 

médico tem direito a aposentadoria especial

Primeiro de tudo é necessário que se esclareça como é possível contratar um advogado online.  Dentro do Direito existem várias áreas de atuação. Em algumas delas, os processos são todos eletrônicos, o que facilita na hora de dar entrada nas ações. É o caso, por exemplo, da área Previdenciária.

Devida a essa facilidade do Processo Judicial Eletrônico, o advogado pode atender e dar andamento em casos em qualquer parte do país, sem a necessidade de estar presencial naquele local. Por isso, através de um Escritório Digital e um advogado online, é possível morar em São Paulo e ser atendido por um profissional do Rio Grande do Sul, por exemplo.

Dica #1: Realize uma pesquisa sobre o profissional

pesquisa advogado

Pare e pense por um momento. Se você está pensando em comprar ou contratar um serviço, qual é a primeira coisa que você faz?  Se sua resposta foi pesquisar sobre o produto ou serviço, você está no caminho certo.

E essa é a nossa primeira dica: realize uma pesquisa sobre o advogado online e o escritório que você deseja contratar. 

Esse é um importante passo pois as qualificações e a credibilidade do profissional são fundamentais na hora de realizar a contratação. Contratar um mau profissional poderá trazer consequências ao seu caso e, até mesmo, impedir que se entre com outra ação na justiça.

Você pode realizar essa pesquisa de duas formas: através da OAB do advogado e da OAB do escritório.

Pesquisa através da OAB do Advogado

Para o exercício da profissão, os advogados são submetidos a uma prova da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Se aprovados, eles recebem um número de inscrição e poderão exercer a profissão.

Dessa forma, você pode consultar o número da OAB do profissional escolhido no Cadastro Nacional dos Advogados. Caso não tenha esse número, você pode buscar pelo nome do advogado. Mas, nesse caso, o nome precisa estar escrito da forma correta para que a busca seja realizada.

imagem da página do site do Cadastro nacional dos advogados - contratar um advogado online

Por exemplo, aqui no Escritório Carbonera & Tomazini, você pode conferir na página  “O Escritório”, os nomes e as OABs dos advogados e advogadas que fazem parte da nossa equipe.

Pesquisa através da OAB do Escritório

Outra forma de realizar a pesquisa é através número da OAB do escritório. Para isso é necessário acessar o site do Cadastro Nacional de Sociedade de Advogados. Após realizar a busca, você verá os resultados e poderá conferir as informações do escritório que está procurando.

No caso do nosso escritório, possui registro da pessoa jurídica OAB/RS 5.067 e OAB/SC 4.029 e Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica – CNPJ, inscrição nº 20.920.282/0001-52. 

Para realizar a busca insira no campo inscrição apenas nos números da inscrição sem o ponto.

Página do Cadastro Nacional de Sociedade de Advogados - Contratar um Advogado Online - Carbonera e Tomazini

Você pode realizar a busca pelo nome do escritório ou pelo número da OAB. Aqui é importante apenas ressaltar algo. Cada estado possui a sua OAB própria que registra os advogados de cada unidade da federação.

Por isso, existe a possibilidade de um mesmo número se repetir em estados diferentes. Então o ideal é já selecionar a Seccional também (que é o Estado onde o escritório está registrado).

Dica #2: verifique site e redes sociais

pesquisa na internet advogado

Se o advogado quer ser contratado através da internet ele precisa estar conectado ao mundo online. Por isso é muito importante que esse profissional ou o escritório tenha um site e também redes sociais.

Confira o site do advogado online ou escritório digital escolhido e acesse informações como missão, equipe, escritório, conteúdo da página, se possui filiais físicas, os telefones e endereços… Se você tiver alguma dúvida, pode ainda ligar para os telefones que aparecem no site.

As redes sociais, como Facebook e Instagram, também são muito importantes nesse processo. Você pode analisar as publicações, os comentários, as informações da página, avaliações e recomendações.

Dica #3: contratar um advogado especialista online?

Essa é uma dúvida muito comum e pode até mesmo fazer a diferença na hora de escolher de contratar um advogado online.

Sobre a importância do profissional ser especialista na área que você precisa, vamos fazer uma comparação simples com outra profissão.

Vamos supor que uma pessoa tenha problemas no coração. Ela não vai procurar um pediatra, por exemplo, ela vai buscar um especialista em cardiologia.

Essa lógica também funciona no Direito. Existem várias áreas dentro do Direito, como Previdenciária, Trabalhista, Criminal…. Busque por um advogado que seja especialista na área que você procura.

Por exemplo, se você quer tratar de sua aposentadoriaauxílio-doença, busque um advogado especialista em Direito Previdenciário.

Dica #4: Como funciona o pagamento da ação

evite perder dinheiro

Essa certamente é uma das maiores dúvidas quando o assunto é contratar um advogado online.  Pois, a distância, faz com que isso seja um medo muito comum. Por isso a nossa quarta dica busca te ajudar a esclarecer esse ponto.

Vamos usar aqui o exemplo da nossa área de atuação, a Previdenciária.  Em caso de ganho da ação, é fornecido um documento e basta a pessoa comparecer ao Banco, apresentar seus documentos e receber. Por isso, não há riscos.

Nesse ponto, o cliente apenas precisa ficar atento com relação a solicitação de procuração por instrumento público. Pois, procurações simples, que não são registradas em cartório NÃO permitem que o advogado saque o seu dinheiro no Banco. Ao contrário, procurações registradas em Cartório geram a possibilidade do procurador receber valores em nome do cliente. Por isso, em caso de dúvida, fale com seu advogado.

Idosos olhando para o computador - advogado online escritório digital - carbonera e tomazini

O Escritório Carbonera & Tomazini Advogados NÃO solicita procurações registradas em Cartório. Esse seria um requisito apenas para o encaminhamento de benefícios para analfabetos e cegos, mas, mesmo nesses casos, é explicado na procuração que não são concedidos poderes para sacar/receber valores.

Outro aspecto importante em relação ao pagamento é se o advogado que você está contratando solicita adiantamento/valor antecipado ou, então, se a cobrança de honorários irá acontecer apenas no final do processo.

Quanto o pagamento de honorários acontece apenas no final do processo, é mais uma garantia que você possui de que o serviço será de fato realizado. E, se não for, você também não terá que desembolsar nenhum valor.

Contratar ou não contratar, eis a questão!

Contratar um advogado online ou um escritório digital é um grande passo na sua vida. Pois, sabemos que estará nas mãos desse profissional algo que é muito importante na sua vida.

Por isso, com esse artigo, buscamos mostrar que é possível que essa contratação seja feita de forma segura. Basta apenas buscar todas as informações necessárias sobre o profissional.

Use a tecnologia para lhe ajudar nesse processo. Pesquise muito e tire as suas dúvidas sempre que necessário.


FONTE: https://www.jornalcontabil.com.br/dicas-para-contratar-um-advogado-online/

Read more...

Empresa de cosméticos nega indenização à consumidora

Reação alérgica não foi considerada como defeito do produto

Uma consumidora que processou a Beiersdorf Indústria e Comércio Ltda. teve negado seu pedido de indenização. Ela alegou ter sofrido uma reação alérgica ao utilizar o creme Nivea, fabricado pela empresa. Com essa decisão, a 16ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) reformou a sentença da Comarca de Montes Claros. Em primeira instância, a fabricante foi condenada a indenizar a consumidora por danos materiais, referentes aos gastos com consultas médicas, medicamentos, exames e transporte para o tratamento da alergia. A empresa recorreu ao TJMG, argumentando que o juiz indeferiu o pedido de realização da perícia química, necessário para comprovar a inexistência de defeito no produto, e isso prejudicou sua defesa. Alegou ainda, que os produtos da marca Beiersdorf são submetidos a um rigoroso teste laboratorial e clínico antes de serem disponibilizados no mercado e que o creme utilizado pela consumidora, como todos os outros, encontra-se devidamente registrado na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A empresa, em sua defesa, também disse que a cliente recebeu atendimento pronto e eficaz quando entrou em contato com o serviço de atendimento ao consumidor (sac). Através de uma consulta médica custeada pela própria empresa, foi diagnosticado que a mulher estava com dermatite de contato. Essa reação inflamatória na pele é ocasionada por uma predisposição individual, ou seja, ocorre quando o organismo do indivíduo é exposto à substância. Por isso não pode ser considerada consequência de defeito do produto, o que afasta o ato ilícito. Diante dos argumentos apresentados, o relator, desembargador Pedro Aleixo, julgou improcedente o pedido de indenização e aceitou o recurso da fabricante. Para o magistrado, não ficou comprovada qualquer conduta ilícita praticada pela empresa na fabricação do produto. Os desembargadores Marcos Henrique Caldeira Brant e Otávio de Abreu Portes votaram de acordo com o relator. Consulte a íntegra do acordão e acompanhe o caso. Assessoria de Comunicação Institucional – Ascom Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG (31) 3306-3920 imprensa@tjmg.jus.br facebook.com/TJMGoficial/ twitter.com/tjmgoficial flickr.com/tjmg_oficial
Read more...